terça-feira, 3 de abril de 2012

Desemperra Gurgel



Policiais de olho nele!


1. Prevaricação

-é um dos crimes praticados por funcionário público contra a administração em geral que consiste em retardar ou deixar de praticar, indevidamente, ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal.


Desemperra Gurgel

Mais de quatro mil processos estão paralisados no gabinete do procurador-geral, o que atrapalha as investigações contra políticos acusados de corrupção

Izabelle Torres

SEMELHANÇA

Atuação de Roberto Gurgel lembra a do ex-procurador Geraldo Brindeiro.

Nos tempos de FHC, Brindeiro era conhecido como engavetador

Durante o governo Fernando Henrique Cardoso, o então procurador-geral da República, Geraldo Brindeiro, ficou conhecido como o engavetador de processos e denúncias contra políticos e gente graúda. Nas suas mãos, tudo parava e a sensação era a de que quem tinha poder jamais se tornaria réu. Nove anos se passaram desde que Brindeiro deixou o cargo, mas o enredo de lentidão – e consequente impunidade – nos processos se repete. Agora sob o comando de Roberto Gurgel, o Ministério Público Federal volta a ser visto como um obstáculo ao desfecho das ações penais. A diferença entre o procurador escolhido por FHC e o indicado pela presidenta Dilma Rousseff está na forma de agir. Enquanto o primeiro arquivava os inquéritos sem constrangimentos com uma simples canetada, Roberto Gurgel fica inerte diante das acusações encaminhadas pela Polícia Federal. No caso relacionado ao senador Demóstenes Torres (DEM-GO), Gurgel só agiu depois de pressionado pela opinião pública.

Na mesa do procurador-geral da República estão parados 4.346 processos. Entre eles, ações movidas pela PF contra pelo menos dois governadores e uma dezena de parlamentares. Um dos processos envolve o governador Pedro Dias (PP), do Amapá. Em setembro de 2010, a Operação Mãos Limpas levou-o para a cadeia sob a acusação de chefiar um esquema de desvio de recursos públicos. A operação vai completar dois anos sem que Gurgel sequer tenha oferecido denúncia contra a suposta quadrilha comandada por Dias. No Distrito Federal, o ex-governador José Roberto Arruda também segue a vida com tranquilidade graças à inação da procuradoria. Em novembro de 2009, um vídeo no qual Arruda aparecia recebendo R$ 50 mil resultou na prisão do político do DEM, que tinha índices de apoio popular que beiravam os 80%. Arruda perdeu o cargo, o partido e a liberdade por dois meses. Hoje, mais de dois anos depois, o símbolo do esquema que abalou o GDF ainda não sofreu nenhuma acusação formal pelo Ministério Público
IMPUNE

Passados dois anos do escândalo do mensalão

do DEM, Arruda ainda não foi denunciado pelo MP

A lista de políticos que se beneficiam com o engavetamento dos processos não se restringe a quem Gurgel deixa de denunciar. Parlamentares réus em ações ou que respondem a inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF) ganham tempo quando os casos chegam ao Ministério Público para análise do procurador-geral. O procurador também não analisou a ação que acusa o senador Romero Jucá (PMDB-RR) de crime de responsabilidade e a que denuncia o senador Lobão Filho (PMDB-MA) por formação de quadrilha e uso de documentos falsos.
A importância do procurador-geral para o andamento de processos contra autoridades foi sintetizada pelo ministro Ayres Britto em 2011 ao julgar um pedido feito por Gurgel para arquivar uma ação envolvendo o senador Valdir Raupp (PMDB-RO). “Nos casos de crime ensejador de ação penal pública, quando o chefe do Ministério Público Federal se pronuncia pelo arquivamento do inquérito ou de quaisquer peças de informação, a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal entende que tal pronunciamento é de ser acolhido sem possibilidade de questionamento”, escreveu Ayres Britto. Exatamente pelo motivo apontado por Ayres Britto, a conduta do atual procurador tem causado celeuma nos bastidores do STF. Ministros reclamam que os mais de quatro mil processos paralisados no gabinete de Gurgel atravancam as investigações

HENRIQUES - PFF / RS
PFF Abrão
http://www.pffbrasil.blogspot.com/




34 comentários:

  1. O Ministério da Justiça publicou nesta terça-feira (3), no "Diário Oficial da União", a nomeação de Márcia Pelegrino como nova secretária-executiva da pasta, o segundo posto mais importante após o do ministro José Eduardo Cardozo.

    Márcia era secretária-executiva adjunta e assumirá o posto de titular com a saída de Luiz Paulo Barreto, cuja exoneração "a pedido" também foi publicada no "Diário Oficial".

    SERA QUE AGORA O GRUPO DE TRABALHO VAI?

    ResponderExcluir
  2. onde esta a apoliffer nordeste da pessoa do sr.Augusto, estam tambem calados porque. Nesse trem tem muitas coisas BOAS.BRASIL UM PAÍS DE TODOS.

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante esta postagem do colega Henriques. Todos conhecemos os meandros do poder e, agora, da justiça, mas quando se publicam fatos como o que foi descrito acima é que percebemos a corrosão e inércia moral que tomam conta dos corredores de Brasília e de nossas instituições.
    Mas – e sempre há um mas em tudo – é inócuo, talvez incongruente, lembrar do crime de prevaricação neste contexto. E a pergunta surge, já com uma resposta inconteste: alguém que privilegia políticos corruptos, retardando suas responsabilizações criminais e tendo deles, por conseguinte, a contraprestação de algum hipotético “favor” no futuro, responderá algum dia por prevaricação? Pois é, eu imaginava...
    Não adianta reclamarmos ou acharmos que os outros é que erram. Faz parte de nossa cultura nos omitirmos na hora das escolhas políticas e, quando devemos responder por nossa omissão, responsabilizamos outros por nossas próprias escolhas. E isso precisa ser mudado.
    O “caso Gurgel” e este meu pensamento estão, sim, intrinsecamente ligados. Explico: nós escolhemos nas urnas determinados políticos; esses políticos escolherão pessoas de “notável saber jurídico” para o MPF, o STF, entre outros; e, por sua vez, esses juristas, escolhidos a dedo, oferecerão a “contrapartida” quando se tratar de processos criminais contra aqueles que os escolheram. É o comércio da (i)moralidade, um círculo vicioso. Simples assim.
    Enquanto isso, algumas centenas de honestos e perseverantes operadores da segurança pública ferroviária vêm mendigando, há longos 23 anos, por um reconhecimento prático dos seus direitos suprimidos – ou surrupiados – politicamente, coisa que não precisaria ter acontecido se juristas e políticos, que juraram defender a Constituição Federal, apenas fizessem cumprir as leis e não inventassem abjeções e dubiedades nas próprias leis para se beneficiar delas.
    Não importa o quanto tentem destruir – ou mesmo retardar – nossos sonhos, porque deixaram de ser sonhos e passaram a ser um DIREITO CONSTITUCIONAL.
    Nada nos tirará esse direito nem nos afastará da busca por ele. Não serão atos arbitrários e espúrios, seja de quem for, que removerão o que já é nosso.
    Como urge que se torne direito o que é fato, precisamos estar diuturnamente no MJ, cobrando que se viabilize de uma vez por todas a nossa estruturação e vida funcional. Se fomos preteridos por um politiqueiro chamado Paulo Barreto, certamente não o seremos por sua substituta, doutora Márcia Pelegrino. E não o seremos por um motivo ou outro, ou pelos dois: a doutora Márcia fará justiça por nós e tornará direito o que já é fato, ou nós faremos com que se faça justiça... dentro do Ministério da Justiça!
    Ao Antônio Leão de Decco e nossa Comissão, ensejo apoio, incansável determinação e muita luz no que fizerem pelos policiais ferroviários federais, doravante.
    E aos PFFs de todo o país, faço uma exortação: unam-se, apóiem nossa Comissão Nacional, comentem as notícias, pressionem com coragem, inteligência e determinação e, sobretudo, preparem-se para se tornar parte efetiva de uma força policial federal íntegra, honesta e intransigente no cumprimento de sua missão-fim, exatamente como o são nossas coirmãs da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal. Nada menos que isso.
    Abraço e meu respeito a todos os PFFs.

    PFF Severo/RS

    ResponderExcluir
  4. perguntar nao ofende ,o que aconteceu na audiencia com o ministro fux no dia 03 de abril?

    ResponderExcluir
  5. É, semana santa, Brasilia terminou cedo o expediente, vazia,mais uma semana sem respostas, duro passar por essa sensação de frustração, enquanto colegas anistiados, Policiais Ferroviarios que por volta de 1990 ou antes foram demitidos por um motivo plausível, retornaram como anistiados e estão numa boa sem esquentar a cabeça, pode isso ? Eles estão dando uma de bonzinhos, coitadinhos, enquanto nós carregamos a ferrovia nas costas, bem feito para aqueles que seguem a lei e a ordem, só tem valor neste país quem pratica estes atos impuros, eles estão tão bem que não querem nem saber de Policia Ferroviaria. É duro saber que existem Policiais Ferroviarios trabalhando para o governo enquanto a maioria fica a espera do Deco e companhia. Boa Pascoa com a cabeça inchada.

    ResponderExcluir
  6. EI, ACORDA COMISSÃO, O COLEGA ANONIMO ACIMA TEM RAZÃO, NÃO EXISTE COERENCIA, MESMO TENDO SIDO BENEFICIADO POR LEI. COMO PODE UM ANISTIADO ORIUNDO DE REDE FERROVIARIA FEDERAL (CELETISTA) E COMO DIZ A ADIN 4708 SEM CONCURSO, SER BENEFICIADO E AGORA TRABALHAR PARA OUTRO MINISTERIO DO GOVERNO? ELES ESTÃO NO MINISTERIO DO MEIO AMBIENTE, INSS, UNIVERSIDADES FEDERAIS E OUTRAS ALTARQUIAS ESPALHADAS, O STF PRECISA SABER DISTO. ENTÃO QUE O GOVERNO NOS RECEBA E NOS ALOQUE NESTAS AREAS, ATÉ NAS FRONTEIRAS ONDE FALTA MUITA FISCALIZAÇÃO, IRIAMOS DAR UM BANHO DE COMPETENCIA E MOSTRAR NOSSO VALOR. SERÁ QUE A COMISSÃO NÃO VIU ISSO ? VOU TER QUE IR A BRASILIA NO STF. DEBAIXO DE ANGÚ TEM MUITA COISA...

    ResponderExcluir
  7. Uai...pode Policial Ferroviario sevir ao governo, ferindo a ADIN 4708 do Dr. Roberto Gurgel, sem concurso publico ??? e o STF não sabe disto ??????? xxiiiiiiiii....DECO, é facil derrubar esta ADIN, voce tá comendo mooooooca.

    ResponderExcluir
  8. Já me disseram que a nossa Policia era para estar atuando a muito tempo, mas tem uma pessoa influente amarrando, quem será????????? e que esta pessoa é do nosso meio,trabalho de investigação para os nossos Policiais, temos que saber quem é, com urgencia.

    ResponderExcluir
  9. SERÁ O DECO UM NOVO JOEL ?????

    ResponderExcluir
  10. hummmmmmmmmmmmmmmm......o dono desse blog tambem está contra a classe, só publica o que o Deco quer, acho que vai levar alguma coisa por fora, o pelego sai de cima do muro, este portal não é mais seu....

    ResponderExcluir
  11. Ninguém poderia descrever melhor a sacanagem que fazem conosco, como o anônimo acima, inclusive a sacanagem interna que praticam uns com os outros! É cobra engolindo sapo, é gente que nunca suou uma jaqueta preta da PFF que hoje está por cima da carne seca desprezam os demais!.
    Alguns membros da comissão não estão nem ligando; no caso de Pernambuco nosso representante está muito bem e peidando para o resto dos PFFs, nessa história de correrem atrás do que é nosso muitos estão sendo beneficiados pela influência que adquiriram com políticos no decorrer dessa trajetória. Os que leem este comentário sabem que o que estou dizendo é a mais pura verdade. Para eles o resto que se fo--!Fizeram amizade e sentiram a vontade para pedir favores,acomodados que são se a PFF não der certo não vai influenciar muito para eles!!! Bando de egoísta, veja o Sr.AUGUSTO, esta quietinho recebendo seu salário todo mês não está mais nem ai para a PFF. Antes não! Dava uma de homem valente!

    Muitos estão se ARRUMANDO!Já dizia o deputado ladrão “Eu quero é me arrumar"!

    ResponderExcluir
  12. O senhor dos anéis Sr. Decco, insinste em não informar nada! Eu tinha pelo mesmo grande admiração, más já percebi que o mesmo é um tremendo de um fanfarão! Nega a todos um direito minimo que conhecer sua situação. Hoje a visão que tenho do Sr, Seu Decco e nAugusto é de que são tremendos covardes e ditadores.

    \Abaixoos ditadores e coruptos da PFF!

    ResponderExcluir
  13. Mais uma semana, volta a tensão, qual será a proxima noticia, nada, vazio, angustiante demora, vamos Deco mande noticias boas.

    ResponderExcluir
  14. Temos que começar a pensar em um novo lider para a nossa comissão. O Deco é muito certinho e como evangelico quer dar a cara a tapa, somente Jesus fez isso, ele não é Jesus, as coisa precisam correr de acordo com a sintonia do momento, o que pede os interesses , não importa quem vai comandar precisamos começar nossa Policia. Já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VocÊ É DO TIPO QUE COSPE NO PRATO QUE COMEU!

      Excluir
  15. não acho uma boa idéia levar os pff para fazer pressão no stf porque os ministros do stf não são políticos que precisam de votos, o tiro pode sair pela culatra.

    ResponderExcluir
  16. Desemperra Dr.Decco!

    ResponderExcluir
  17. Srs. Anônimos acima o Dr. Deco e Comissão já tem problemas suficientes com os órgãos responsáveis pela regularização do DPFF, Até agora o Dr. Deco e Comissão está fazendo um excelente trabalho, são guerreiros como todos PFF que estão aguardando a décadas a regularização do DPFF. Em alguns casos a falta de informação é nossa aliada.
    Então para de criticar, junte-se aos guerreiro, unidos venceremos.

    ResponderExcluir
  18. Gente boa, estive na assembleia na Leopoldina, pude observar que o Dr. Deco não está nada bom, mão direita tremula parecendo principio de parkinson, estafa, estresse sei lá, sei que o homem não está bom, ele disse que nesta semana se reunirá com a nova secretaria executiva do MJ e agendará uma reunião juntamente com o Ministro da Justiça pois a nossa estruturação deve andar paralelo ao processo adin no STF,caso nossa estruturação seja aplicada pelo MJ, cessará todo processo da adin, isto é será votado quando Deus quiser ou não será votado, pois em ato continuo o STF não se pronuncia, somente em casos graves. Fiquem alertas pois uma convocação da comissão para irmos a Brasilia está breve, temos que nos manisfestar de forma ordeira e pacifica como no congresso nacional e com certeza sensibilizaremos nossos lideres a resolverem nossa causa. Por favor entrem em contato com seus lideres locais, contato com a comissão e com o Deco, vamos diminuir um pouco a tensão, não é facil, temos que ter um pouco mais de paciencia, se partirmos para a justiça, será mais demorado e não saberemos se seremos vitoriosos, pode não dar mais tempo devido nossa idade, precisamos ser politicamente corretos, solicito a algum lider se juntar ao Deco em Brasilia, não podemos deixa-lo sozinho, temos que mostrar presença, até junho tudo estará resolvido, temos que ter esta certeza,vamos dar as mãos. Continuem depositando, está faltando dinheiro para a passagem aérea, temos que manter a comissão em atividade. O Souza, fiel escudeiro, es

    ResponderExcluir
  19. está internado, operou, o Deco vai viajar sozinho, vamos fazer uma corrente positiva, orar, seremos vitoriosos. O Deco esteve com o ministro Luis Fux, foi bem recebido por uma hora, esteve tambem com outros ministros, faltam somente o ministro Joaquim Barbosa e outra ministra, por isso temos que projetar nossas esperanças no MJ com a estruturação urgente, vamos à Brasilia, o Deco precisa da gente.

    ResponderExcluir
  20. ARTIGO 37 DA CONSTITUIÇÃO, LEI FEDERAL Nº8.112/90, SUBMETE AO REGIME JURÍDICO, NA QUALIDADE DE SERVIDORES PÚBLICOS OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS E OS SERVIDORES CELETISTAS QUE OCUPAVAM EMPREGOS,AMBOS DA ADMINISTRAÇÃO DIRETA, EM TODO OS PODERES, AUTÁRQUICA OU FUNDACIONAL,INCLUSIVE NOS EX TERRITÓRIOS. CONSAGRA A EXPRESSÃO CONSTITUCIONAL DE SERVIDOR PÚBLICO CIVIL , EM SUBSTITUIÇÃO A DENOMINAÇÃO ANTERIOR DE FUNCIONÁRIO PÚBLICO E SERVIDOR CELETISTA. COUBE A ESTA LEI DEFINIR, PARA OS SEUS EFEITOS, QUE SERVIDOR QUE É A PESSOA LEGALMENTE INVESTIDA EM CARGO PÚBLICO. ACABA,ASSIM,A DICOTOMIA DE DUAS FIGURAS JURÍDICAS PARA DESIGNAREM A MESMA COISA,POIS AMBOS OCUPANTES PRSTÁVAM SERVIÇOS PÚBLICOS A COLETIVIDAE.

    ResponderExcluir
  21. MI 545, REL.MIN.ILMAR GALVÃO, DJ DE 02/08/2002,NO QUAL SE FIXOU O ENTENDIMENTO DE QUE A PREVISÃO CONSTITUCIONAL DE UMA POLÍCIA FERROVIÁRIA FEDERAL, POR SI SÓ, NÃO LEGITIMA A EXIGENCIA POR PARTE DOS IMPETRANTES DE INVESTIDURAS NOS CARGOS REFERENTES A UMA CARREIRA QUE AINDA NÃO FOI SEQUER ESTRUTURADA.NO MESMO SENTIDO ENTEDEU A MIN.ELLEN GRACIE. -------------- COMPANHEIROS, É MUITO IMPORTANTE A ESTRUTURAÇÃO DA POLÍCIA FERROVIÁRIA NO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA DIANTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDRAL.

    ResponderExcluir
  22. A COMISSÃO DEVE CORRER ATRAZ DA NOSSA ESTRUTURAÇÃO NO MIN. DA JUSTIÇA ANTES DO JULGAMENTO DA ADI 4708 PELOS MINISTROS DO STF.

    ResponderExcluir
  23. a estruturação da pff no min. da justiça deve ser primeiro do que o julgamento da adi se não a nossa situaçao pode se complicar.

    ResponderExcluir
  24. Então....o que está faltando ??? Depois dessa explanação técnica acima, dicotomia é divisão, não existindo estamos amparados, vamos para Brasilia exigir o que é nosso, JÁ . Ainda mais amparados pela lei 12462, relação nominal publicada em D.O.U, etc, etc, etc...

    ResponderExcluir
  25. senhores policiais ferroviários federais, quem tiver essa informação por favor informar.
    corre uma informação que nesta sexta feira dia 13/04/2012 seria publicado no D.O.U a estruturação do departamento da policia ferroviária federal,se alguém esta sabendo dessa informação deve informar a todos os PFFs do Brasil, que tanto eu como os demais estão ansiosos e torcendo que essa informação seja 100% verdadeira.
    um abraço a todos.
    não e hora de brincar por favor, agora a coisa e seria.

    ResponderExcluir
  26. Minha gente, sinceramente estou me sentindo estranho diante deste impasse, nós estamos inertes esperando o que ? Que o Deco venha de BRASILIA COM A NOSSA ESTRUTURA ? Será que estamos sendo enganados ou enganando a nós mesmos ? Diante da sinalização do STF e do exposto por colegas acima, só nos resta irmos para Brasilia e fincarmos pé diante do Ministerio da Justiça, a comissão não nos repassa direito os contatos, questão de estratégia, correto, mais tambem não aciona a categoria que está esperando um milagre a qualquer hora. Não sei se estou falando demais, mais se a nossa Policia não sair, esta comissão já tem seus contatos para encaixar seus membros em outras areas do governo, questão de politica, se isto já não foi oferecido, e ai como ficam os 3.500 Policiais pelo Brasil. É POR ISSO QUE NÃO DEVAMOS DEIXAR A COMISSÃO SOZINHA, corremos o risco de trabalharmos para os outros. VAMOS PARA BRASILIA JÁ, VAMOS NOS REUNIR ORGANIZAR OU FAZER OUTRA COMISSÃO PARA NOS ENCONTRARMOS COM O MINISTRO, temos que ir falar com o Presidente Lula, será que ele sabe desta situação ? e a nossa Presidente, o que diz ? Temos que movimentar essa gente, vamos lá rapaziada, vamos trocar informações por este blog, abraçao.

    ResponderExcluir
  27. Respeito a opinião do colega, sugiro que façamos pequenos grupos locais de acordo com nossas disponibilidades e vamos para Brasilia, onde encontraremos com a nossa comissão principal, não podemos perder o foco, eles sabem muito e contam com um brilhante advogado. O Deco sabe o que está fazendo, Eduardo coimbra, Augusto Lima, Edson e demais colegas, precisamos respeita-los sem perder a linha, vamos sim , está demorando, precisamos resolver isto mais rápido possivel antes das eleições municipais, senão tudo ficará para o ano que vem outra vez, correndo o perigo de uma avaliação do STF. Opiniões são bem vindas, acho que este blog está a disposição para contatos entre os verdadeiros Policiais Ferroviarios Federais. Vamos Gente...

    ResponderExcluir
  28. Precisamos saber as opiniões do Ministerio da Jutiça e do Planejamento, talvez venha ocorrendo alguma proposta destes orgãos em que a comissão esteja barrando, temos talvez outros encaixes em esfera governamental sem que seja criada a Policia, cargos que satisfariam a categoria deixando livre a estrutura da Policia diretamente para concursos, com a iniciação de jovens Policiais. Precisamos pensar em tudo e tudo é pensado quando não passam informações, se opiniões são proferidas a esmo, é por culpa de nossas lideranças que deixam livres nossos pensamentos, não nos prendem com noticias concretas, estamos no achismo a muito tempo, precisamos acordar.

    ResponderExcluir
  29. pffgomes/RGS,sugiro aos companheiros exigirem dos nossos representantes, para que os mesmos visitem setores de reportagens de todos meios de comunicação, e agendem debates,com autoridades, principalmente dos setores de segurança federal,que deem seus pareceres, e opiniões aos nossos dirigentes e representantes do min. justiça,sobre nossa reitegração junto a este orgão federal. pois o povo brasileiro,precisa estar informado, sobre esta volta da policia ferroviaria federal, o mais rápido possível, pois os roubos,furtos e desvios, de tudo que existe de materiais antigos moveis e imóveis e materiais novos para novas ferrovias, estão sendo saqueados,e pelo que vejo,não existem policiais de orgão estadual e federal, e até municipal,que possam estarem impedindo e prendendo os delinquentes, infratores e criminosos. quando assumir-mos e se assumir-mos,nossas funções o rombo aos cofres públicos será tão grande que investidores vão ficar assustados e nem se interessarão em investir com nosso governo federal,por isso, devemos assumir nossas funçoes o mais rápido possível,antes que a vaca vá para o brejo, abraçoes e vamos nos movimentar, e nos interessar mais por nossa causa.

    ResponderExcluir
  30. foi aprovado o comentário favor google responder "servidor"?

    ResponderExcluir
  31. pessoal:não possuimos um departamento ainda organizado com uma logistica de trabalho!não temos ainda um plano de carreira definido!nem hierarquias de comando!nada que se possa dizer é um departamento policial como a PRFrealmente um departamento todo equipado e real.para milhares de pessoas e autoridades somos a menor policia do mundo com pouca expreção na sociedade!então devemos esperar!esperar!esperar!aguardar!aguardar!aguardar!eles ainda não notaram que existimos realmente e sempre existimos!e fomos importantes até que nos reduziram por interesses não sei de quem a menmor policia do mundo ao ponto de nos colocarem na UTI das policias!sem um pingo de credibilidade, de dignidade!de importância.será que morrerão de velhos os PFFS que sobraram?pois já estão com as idades bem avançadas!falta uma policia sera que eles não estão vendo ou não querem nem ver? É A POLICIA FERROVIARIA!!!!podem crer, é pelas ferrovias que estão entrando armamentos,drogas, e capital financeiro para fortalecer sempre as facções criminosas e não tem policia para acabar com esta farra dos criminososo matadoresw de policiais.a quem interessa a falta de policiamento nbas ferrovias? CPI URGENTE,senadores,ministros,governadores, deputados,segurança pública, deputados, vereadores, prefeitos,juizes,procuradores da república,presidenta dilma as ferrovias pedem socorro, pór falta dfe policiamento!!!!!vamos lá decidam nossa causa !!!nos coloquem para trabalhar!!!! não queremos emprego!!!!queremos trabalho digno e responssabilidade!!!!queremos proteger estes patrimônios privatizados por governos com pouca visão de progresso de um páis!!! VIVA O PAC!!!!o brasil agora vai para os trilhos!!!! como países desenvolvidos de primeiro mundo!!! não somos tupiniquins e nem país de somente chuteira!!!!

    ResponderExcluir
  32. mais de 90 dias se passaram e não se viu nada de estruturação da policia ferroviaria federal. Só se fala em metros, PRF,mortes de policiais ,ocupações de favelas para as UPPs.,mortes de PFFs,BLÁ...BLÁ...BLÁ...BLÁ,e continuamos sem logistica própria de uma policia preparada para trabalhar!continuamos sendo a menor policia do mundo !!!mesmo com a soma dos policiais da CBTM e CBTU (3.500)!que não dá nem para começar, para policiar os milhares de Kilômetros de ferrovias de todo país, a serem impllantados pelo PAC. Ao longo de todas ferrovias de3verão existirem postos avançados guarnecidos por PFFs, em rodizio de escalas de turnos de trabalho; Postos estes totalmente equipados, e informatizados, com balanças de pesagem de vagões, forma de deslacramento e lacramento, após vistorias, no interior das cargas. O que vem agora de encontro aos PFFs, que deverão atuar e se irão realmente atuar, são ferrovias de primeiro mundo, com logistica totalmente modernizada e informatizada, até pór via satélite.Ferroviarios que irão trabalhar terão que serem ferroviarios totalmente informatizados, qualificados e modernizados. Homens das cavernas ele não querem mais, revolveres enferrujados, 38 já eram!!! supervisores realmente técnicos em segurança. Bebuns assumindo serviços acabou!!!!abbandono de postos acabou!!!se preparem que se voltar-mos a trabalhar, tem que pelo memnos saber operar um computador!!!máquinas de datilografia não existe mais , para datilografarem o que bbem entenderem!!! sobre as ocorrências. Vamos ter que suar a camiseta de verdade!!!

    ResponderExcluir